Laravel 5.5 é lançado

Laravel 5.5

Lançamento do Laravel 5.5 LTS

No dia 30 de agosto, foi oficialmente publicado o Laravel 5.5 LTS (Long Term Support), com garantia de suporte por dois anos e três anos para correção de falhas de segurança.

Essa versão trás várias novidades interessantes para os desenvolvedores.

Volta do Woops – nada mais de mensagens simples de erro ou mesmo ter que fazer instalação manual, o Woops está de volta ao Laravel desde a versão 4 e agora, os desenvolvedores terão melhor acerto na correção de erros, dos mais simples aos mais complexo – como sabemos, os mais simples levam mais tempo para ser corrigidos!

Laravel 55 Whoops

Laravel 55 Whoops

Collection Dumping – agora os comandos dd e dump fazem um debug mais simples das collections. Veja post completo sobre o Collection Dumping.

Renderização de Exceções – no Laravel 5.5 você pode definir um método response público para uma saída de exceção como você preferir.

Responsable Interface – com a Responsable Interface, uma classe que implementa a interface pode ser retornada como um método de um controlador e se chamada pela rota diretamente. Veja mais detalhes sobre a Responsable Interface.

Método de Validação do Request – no Laravale 5.5 o desenvolvedor pode validar o request no próprio objeto.

Objeto de Validação Personalizado – criar um objeto de validação personalizado, permite que no Laravel 5.5 ter um local onde a lógica de validação fica armazenada. Conheça mais detalhes sobre o objeto de validação personalizado.

Blade com definições de autorização e visitante – No Blade, agora podemos indicar se o usuário é visitante ou tem autorização para o recurso sem o uso do if!

Definições do Frontend – em vez de iniciar um projeto como Vue.js como padrão, Laravel 5.5 pode se definir a biblioteca de frontend desejada, seja o próprio Vue.js ou o React ou o Bootstrap ou mesmo, nenhum.

Arquivos Factory separados – você pode criar um arquivo Factory independente para casa um dos seus Models usando o Artisan.

migrate:fresh – como esse simples comando, o Artisan pode criar uma base de dado e rodar todas as migrates de uma vez. Parecido como migrate:refresh, que executa um rollback da base e roda as migrates.

RefreshDatabase – permite fazer uma rápida migração do banco de dados de testes, independente que seja uma base em memória ou tradicional.

Método withoutExceptionHandling() – que permite a uma base de teste desabilitar o tratamento de exceções e capturar a exceção diretamente.

Descoberta Automática de Pacotes – o Laravel 5.5 identifica os novos pacotes (a maioria deles, pelo menos) de forma automática, sem precisar configurar alias ou providers. O próprio Taylor Otwell falou sobre a descoberta automática de pacotes.

Veja o vídeo de lançamento trazendo as novidades do Laravel 5.5:

A XS Informática usa em seus novos projetos o Laravel e, com certeza irá tirar proveito dos novos recurso do Laravel 5.5 para benefício de seus clientes.  Entre em contato para conhecer nossas soluções.

 

 

 

Tolerância, precisamos falar sobre

Os FatosA falta de tolerância que ocorreu na cidade americana de Charlottesville, Virginiam, é algo de muita tristeza para todos nós. Basicamente: um grupo de supremacia branca se juntou a um grupo de neonazista para protestar contra a retirada de uma estátua do General Robret E. Lee. O General Lee foi o líder do exército Confederado do sul dos E.U.A. que lutou pela separação desses estados do resto do país, tendo uma das causa, a abolição da escravidão.

Tolerância é ser conta supremacia branca

Tolerância é ser conta supremacia branca

O sul dos E.U.A. é, até hoje, agrário. Diferente dos estados do norte, que tem forte industrialização, no sul a mão de obra do campo foi no século 19 muito necessária e utilizava-se de escravos negros africanos.  Quando Abraham Lincoln foi eleito presidente, sendo um defensor da abolição, os estados do sul se revoltaram e começaram uma sangrenta guerra civil que durou 3 anos e matou, aproximadamente, 1.000.000 de pessoas.

Após mais de 150 anos, em alguns lugares, esses escravocratas são reverenciados com estátuas que vem sendo removidas, muitas vezes por novos líderes locais eleitos que são negros ou latinos. Foi o caso de Charlottesville.

Alegando o direito de liberdade de expressão, esses grupos intolerantes saíram em marcha pela cidade, cantado palavras de ordem contra negros, latinos, imigrantes (mesmo todos eles serem descendestes de imigrantes) , judeus, homossexuais e feministas! A lista é grande. Muitos carregavam tochas, em alusão a Ku Klux Kan e a bandeiras nazistas. Entraram em conflito com grupos de defesa dos diretos dessas minorias, com a polícia e, causaram a morte de uma pessoa em um caso de atentado semelhante ao que ocorre na Europa.

A questão é: tem essas pessoas o direto de ser intolerantes e a sociedade deve permitir essas manifestação?

A resposta simples é NÃO!

O paradoxo da tolerância

No caso de uma sociedade ser totalmente tolerante e tudo permitir, vai haver, nessa sociedade uma parcela que é intolerante a alguma coisa (negros, latinos, imigrantes, judeus, homossexuais e feministas). Esses grupos intolerantes, com o tempo, vão conseguir passar, com a alegação de liberdade de expressão, leis intolerantes nessa sociedade e, vão deixar a sociedade, que antes era tolerante, uma sociedade que persegue quem tolerou os intolerantes. Assim, para que a sociedade posso continuar tolerante, ela deve ter leis que proíbam pessoas intolerantes a se organizar. Esse é o paradoxo da tolerância de Kark Popper. No vídeo, abaixo, o físico Caio Gomes explica esse paradoxo:

Com o paradoxo da intolerância em mente, temos que pensar, nossa sociedade deve ter mecanismos que impeçam pessoas intolerantes de se apoderar da sociedade como um todo. Muitas vidas foram perdidas e são ainda hoje,  como o preconceito! Isso não faz sentido em uma sociedade globalizada com a nossa! Na Alemanha, onde tivemos a mostra maior que a falta de tolerância faz a uma sociedade, pessoa são presas por fazerem o cumprimento nazista ou por dizer “heil Hiltler”. E está correto! Faz com que esses grupos não cresçam.

A busca pela diversidade é o mote da sociedade tecnológica do século 21. Se olhar na lista das 500 maiores empresas do mundo, perceberá que, a maioria dos líderes é homem branco heterossexual.

Como uma sociedade saudável pode abdicar de mentes em lugares de liderança  por a pele da pessoa não for branca, ou por ser mulheres ou, por ter um comportamento diferente da maioria! Isso é um absurdo, pois esse perfil, com certeza, são mais de 80% da pessoas do mundo, se não mais.

Tolerância da Tecnologia

O que mais assusta, é a reação do presidente Donald Trump, que foi eleito com discurso anti-imigração, não condenou os grupos neonazistas, mas sim, os grupos de defesa dos direitos humanos!

Isso não ficou impune. Representantes de várias empresas, que eram conselheiros de Trump, como a Merck, Under Amour, Intel, o abandonam. Isso forçou o presidente a desfazer esses conselhos.

Tim Cook, CEO da Apple, disse:

Eu não concordo com o presidente e outros que acreditam que existe uma equivalência moral entre supremacistas brancos e nazistas, e aqueles que se opõem a eles defendendo os direitos humanos. Equacionar as duas coisas vai contra nossos ideais como americanos.

Além disso, enviou uma carta para todos os funcionários e vai doar US$ 1.000.000,00 para entidades que lutam contra o preconceito.

Mostrando como a sociedade pode reagir, o perfil do twitter Yes, You’re Racist (@YesYoureRacist), está postando fotos dos envolvidos no caso de Charlottesville e pedindo que eles sejam identificados. Alguns já foram demitidos.

A luta contra o preconceito é diária e não pode ser relegada apena ao governo. parte de cada um em nossa sociedade, sejam pessoas, sejam empresas grande ou pequenas, sejam as autoridade. Não podemos deixar que fatos do passado não se repitam! Essa é a posição da família XS Informática. Uma empresa que respeita todas as pessoas, uma empresa tolerante e diversificada.

Versão 4 do Bootstrap Framework Lançada

A versão 4 do Bootstrap Framework foi lançada e ela é a 4 Beta!

Bootstrap Versão 4 Beta

Bootstrap Versão 4 Beta

Sim, o Boostsrap 4 é Beta. Segundo o anúncio oficial, o novo Bootstrap muda muitos conceitos da versão 3 e, para manter a nova versão sempre em atualização até a próxima versão 5 (calma, vai demorar, a versão 4 ficou 2 anos em desenvolvimento).

Algumas das mudanças:

  • Troca do Less pelo Sass, que permite compilação mais rápida, graças ao Libsass;
  • Flexbox e sistema de grids melhorados, quase tudo foi mudado para flexbox e, com novo nível de grade, fica melhor a segmentação para dispositivos móveis;
  • Novo elemento card adicionado, facilitando a montagem dos elementos da página;
  • Novas opções de personalização, permitido pela possibilidade de mudar as variáveis no Sass;
  • Plug-ins JavaScript foram reescritos, em ES6 (yes!);
  • Tooltips, popovers e dropdowns melhorados com a nova biblioteca Popper.js;
  • Documentação nova, redigida e melhorada, toda em Markdown e com novo formulário de pesquisa;
  • E, se você usa Internet Explorer 8, Internet Explorer 9, Safari 8, iOS8, sinto muito (na verdade, não), fique na versão 3, pois o Booststrap 4, não dá mais suporte a esses navegadores e, já passou da hora!
  • E muitas outras novidades, como controles de formulários, novo carrossel, barra de navegação redesenhada, validação em HTML5….

Para ver mais detalhes, veja o anuncio oficial do Boostrap.

A importância do Framework

Para a maioria dos cliente da XS Informática, nem imagina o que seja um framework ou o que seja o Bootstrap.

Frameworks são um conjuntos de funções e bibliotecas que tem como objetivo, facilitar e agilizar o desenvolvimento de uma aplicação ou mesmo um site.

Os frameworks pode ser para o backend (a parte de uma aplicação que está por trás e, mantém tudo funcionando) , onde temos o Laravel, ou no frontend (a parte visível que permite a interação do usuário). Um deles, é o Bootstrap.

Com elea, sites e sistemas responsivos são criados mais rápido, evitando que milhares de novas linhas de código CSS e JavaScript seja escritas apenas para essa aplicação.

Conheça o Blog Corporativo da XS Informática

Seja bem vindo!

Blog Corporativo

Blog Corporativo

Temos o prazer de anunciar o lançamento do Blog Corporativo da XS Informática.

Nesse espaço, a XS Informática divulgará e comentará a visão da empresa sobre os fatos e tecnologias que nos afetam.

Sempre com a prerrogativa de informar o máximo possível, e obtendo as solução que a XS Informática sempre consegue para seus clientes.

Estamos abertos a receber seus comentários em nossas postagens e ficaremos contentes e respondê-las.

Sejam bem vindos ao nosso blog.

Você pode ter um blog corporativo para a sua empresa também! Entre em contato no e-mail queroterblogcorporativo@xsinformatica.com.br ou entre em contato em nosso formulário.